Não vá o Diabo tece-las

Somos um país em que os comentadores da especialidade passam horas a debater onde emagrecer a gorda despesa de Portugal . Todos temos que contribuir para ajudar o país a equilibrar as suas finanças, e estamos mais ou menos todos de acordo. Porque não começar por algumas das mordomias dos políticos ?! Ora vejam.

10 comentários:

Daniel Santos disse...

isso dá muito trabalho.

João António disse...

Daniel Santos
Mas 1000 milhões è muito dinheiro, mesmo muito !

Pronúncia disse...

Digamos que era um bom começo... e um bom exemplo!

João António disse...

Pronúncia
Penso que seria um exemplo, exemplar !

Ferreira-Pinto disse...

Seria, como diz, um exemplo, exemplar mas, como sabe, em Portugal estamos sempre prontos para um sacríficio, conquanto o mesmo seja feito na proporação de 5% para nós e 95% para os outros!

João António disse...

Ferreira-Pinto
Nem mais meu caro, infelizmente !

Maria Ribeiro disse...

TIJOÃO: os políticos não podem emagrecer... senão que imagem de PORTUGAL passaria lá para fora? Que emagreçam os pobres , os milhares de desempregados, os idosos com pensões de miséria...Esses, ninguém os vê...
AbRAÇO DE LUSIBERO

João António disse...

Maria Ribeiro
Completamente de acordo consigo. Infelizmente em Portugal essa é uma constatação do que nos estão a fazer !
Abraço

Levy disse...

1000 milhões de euros é 1/5 da folha salarial do Ministério da Educação. Como o ME tem 200 mil funcionários, o que o Estado gasta em automóveis dava para pagar os vencimentos de 40 mil pessoas. 40 mil pessoas são 6% dos funcionários públicos.

João António disse...

Levy
O governo deste país devia dar o exemplo, o Sócrates sempre tão "inocente" devia explicar como é possível gastar uma fortuna destas em mordomias que não sua grande parte deviam ser cortadas !