Gostava que me explicassem, qual a razão de nos comentários às campanhas eleitorais, alguns jornalistas conseguirem ver comícios meios cheios, e noutros mesmo que visualmente apresentem mais cabeças, estejam meio vazios !

5 comentários:

manuel gouveia disse...

É o síndroma da garrafa, para o anfitrião está meio vazia, para os convidados está meio cheia. Vai mais um copito?

Daniel Santos disse...

Porque alguns estavam bem sentados, as cadeiras eram confortáveis cadeiras e fornecidas pelos partidos, outros estavam em pé.

Pronúncia disse...

Tudo depende da "cor" dos óculos do jornalista! :)

António Lopes da Costa disse...

Caro Tijoão, gostava de dizer-lhe uma coisa:
Na SIC, o comentador político é o irmão de António Costa.
Quanto aos outros, exceptuando Luís Delgado, já todos os que conheciamos de há muito. Todos menos dois, que apareceram recentemente. Eu não os conhecia. Agora, felizmente, já os conheço.
Um candidatou-se pelo Bloco e é o terceiro eurodeputado eleito.
O outro estava sentado nas filas da frente do Altis, quando Sócrates discursava após a derrota.

As sondagens? Mas não é o militante do PS Oliveira e Costa que as faz? 40% para o PS é um insulto à inteligência de um povo que vejo nas ruas, nos cafés, na faculdade a desejarem uma mudança.

No domingo, o povo sorriu de esperança, enquanto alguns engoliam sapos e atiravam as culpas para Vital. Mas não foi Sócrates que o escolheu?

Sabe o que lhes digo? É que talvez tenham uma surpresa nas legislativas. Não baixemos os braços.

Um abraço

Tijoão da Tasca disse...

António, só engoliram sapos? Não, eles engoliram elefantes e dos grandes! Basta ver a cara do Sócrates, quando o Vital discursava no domingo à noite ! Legislativas, ai alguém (Socratismo) vai engolir o orgulho!